Periodontia

Especializada no estudo dos tecidos normais e no tratamento das afecções dos tecidos imediatamente próximos aos dentes.

Dra. Tatiana Luebke

A Periodontia é a especialidade da Odontologia responsável pela prevenção e tratamento das doenças que acometem o periodonto, ou seja, os tecidos de sustentação e proteção dos dentes.

Gengivite e Periodontite são os maiores exemplos de doenças na gengiva. Gengivite é a inflamação superficial da gengiva devido a presença de placa ou tartaro. Já a periodontite é uma condição mais grave já que leva à perda do osso ao redor dos dentes. A periodontite sempre ocorre em consequência de uma gengivite não tratada, em que o processo inflamatório se estende, causando a destruição progressiva do osso. Com isso, o dente perde a inserção, amolecendo até ocasionar a perda.

Muitas vezes a doença periodontal passa despercebida, pois na maioria dos casos, é indolor. Um dos primeiros sintomas de que a gengiva está com algum problema é a presença de inchaços, cor avermelhada e sangramento durante a escovação. Esses são sinais de inflamação nessa região. Embora ela tenha várias causas, a principal delas é o acúmulo de placa bacteriana e tártaro mas pode também ser agravada pelo stress, fumo, álcool e alterações hormonais. O tártaro é uma combinação da placa bacteriana que reage quimicamente com fosfato de cálcio da saliva, originando uma camada endurecida sobre os dentes. O tártaro só pode ser removido pelo dentista através de aparelhos especiais e pode ser prevenido pela boa escovação e uso do fio dental. Para evitar maiores problemas no futuro, além da higiene bucal, o ideal é visitar o dentista de 6 em 6 meses.

Neste tipo de doença temos a presença de bactérias que podem passar para a circulação sanguínea contribuindo para o aparecimento de doenças cardíacas. A doença Periodontal está também relacionada com outros problemas de saúde geral, como diabetes, artrites reumatoides.